quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Com o Vento de Mansinho

As velas do moinho
Hum-hum, hum-hum (boca fechada)
Com o vento de mansinho
Hum-hum, hum-hum.


Gira gira gira giram,
viradinhas para o mar.
E as cabaças que as enfeitam,
nunca param de cantar.

Sem comentários:

Enviar um comentário