quarta-feira, 4 de agosto de 2010

Aldeias de Portugal

Não ha, ai não, não ha
No mundo encanto assim
Aldeias de Portugal
Lembram as flores dum jardim
Botões a abrir em flor
São rosas num altar
Aldeias brancas de neve
São véus brancas a brilhar.

Sem comentários:

Enviar um comentário